Fluxo de caixa: um guia completo para a sua empresa

with Nenhum comentário

O fluxo de caixa é uma preocupação no seu negócio? Ele é essencial para qualquer empreendimento, pois garante a boa gestão financeira e o aumento da lucratividade.

Empreendedores devem ficar atentos quanto a movimentação de dinheiro na empresa, uma vez que a mesma pode refletir que não há algo muito bom acontecendo.

O fluxo de caixa é uma preocupação no seu negócio? Ele é essencial para qualquer empreendimento, pois garante a boa gestão financeira e o aumento da lucratividade.

Empreendedores devem ficar atentos quanto a movimentação de dinheiro na empresa, uma vez que a mesma pode refletir que não há algo muito bom acontecendo.

Por esse motivo, é fundamental começar a ter um fluxo de caixa bem organizado com o seu negócio.

Dessa maneira, você aprende a controlar tudo que entra e sai e não tem nenhuma surpresa desagradável no fim do mês.

Para a sua sorte, temos um guia completo para te mostrar abaixo. Aproveite!

 

O que é fluxo de caixa?

O fluxo de caixa representa a movimentação de dinheiro da sua empresa. Em outras palavras, é o registro da quantia que você recebe e paga em seu negócio. 

Quando bem feito, é uma das melhores alternativas para você descobrir se a sua empresa está crescendo de forma positiva ou não. 

E para que o processo seja realmente funcional, você não pode deixar de anotar nenhuma receita sequer, mesmo aquelas que são menores e pareçam insignificantes. 

Normalmente, no início de qualquer empreendimento, é recomendado elaborar um fluxo de caixa excel, uma vez que o manuseio é mais simples. 

Mas como vivemos em um mundo tecnológico, utilizar sistemas de gestão online pode ser uma boa ideia. 

Isso porque o fluxo de caixa excel é muito mais do que registrar os ganhos e as perdas do negócio, sendo considerado uma forma de fazer a gestão financeira do seu empreendimento. 

Veja o seguinte exemplo:

  1. Você elaborou uma estratégia para captar mais leads, a qual pretendia dar descontos no dia do aniversário da empresa. A boa notícia é que foram vendidos 15% a mais do que o que era esperado, alcançando a marca dos R$ 55 mil;
  2. Em seguida, quando você registrou todas as receitas e as despesas do dia de comemoração, percebeu que os gastos foram maiores do que o normal, tendo como custo R$ 52 mil; 
  3. No fim das contas, o fluxo de caixa descontado serviu para avisar que não houve um grande lucro e, por sorte, o seu saldo não acabou ficando negativo. 

Como você pode perceber no exemplo acima, o fluxo de caixa descontado pode ser uma excelente maneira para quem fecha os olhos para notícias ruins. 

Por esse fato, muitos empreendedores acabam evitando investir no fluxo, pois acreditam que ele seja o grande vilão do insucesso. 

Porém, o fluxo de caixa descontado nada mais faz do que refletir quais foram os resultados que as ações utilizadas tiveram para a gestão financeiro do negócio. 

O verdadeiro segredo para que um fluxo de caixa excel seja muito bem aproveitado, é fazer anotações frequentes com todos os números gastos e ganhos. 

Conheça agora os principais tipos de controle de caixa!

Fluxo projetado

Folhas com dados de fluxo de caixa sobre a mesa e as mãos de duas pessoas fazendo anotações.

O fluxo projetado é a forma como você aproveitará todas as informações registradas, sendo extremamente fundamental levar em conta todos os lançamentos realizados. 

A partir disso, o profissional que cuidará do controle de caixa conseguirá compreender o que entra e sai do seu bolso, planejando ações efetivas com base em todos os resultados. 

Assim, é possível alcançar três funções para esse tipo de fluxo:

  • A organização: a projeção da efetivação do que foi recebido e gasto; 
  • A correção: a projeção dos ajustes capazes de fazer sair do negativo; 
  • A afirmação: a projeção dos investimentos que expandem um empreendimento.

Ou seja, toda a análise feita com ele servirá para construir o futuro do negócio. 

Fluxo diário 

No fluxo do tipo diário, o profissional precisa fazer uma análise de toda a gestão financeira da empresa todos os dias. 

Ou seja, supermercados, empresa de vendas, entre outros estabelecimentos, realizam o controle das entradas e saídas de dinheiro diariamente. 

E caso esses segmentos optem por trabalhar com um fluxo de período mais longo, grandes prejuízos podem surgir. 

Desse modo, a principal vantagem desse tipo de fluxo é fazer o controle preciso em tempo curto. 

Assim, caso as contas não batam no final do dia, novas estratégias de melhorias podem ser feitas rapidamente para ajustar os erros.

Fluxo descontado

O fluxo de caixa descontado é excelente para quem deseja atrair investidores ou vender o negócio. 

Isso porque esse controle de caixa consegue mensurar a quantia que foi economizada pela empresa. 

Em outras palavras, é analisar o valor investido na sua empresa, somado com a geração de lucro no futuro, capaz de superar o investimento do capital. 

Sendo assim, é possível avaliar quais retornos o investidor terá, assim como quais são as perspectivas para os próximos períodos. 

Fluxo simples

Neste tipo de fluxo, todo o controle de entrada e saída é mostrado, mas de forma bem simplificada, o que torna este modelo muito usado por diversas empresas. 

Separado por controle semanal ou mensal, um fluxo simples garante que um gestor tome as medidas necessárias para cortar gastos. 

Desse modo, o rendimento da empresa volta a crescer, alcançando um balanço positivo. 

Fluxo livre

O modelo livre também é conhecido como final, pois consegue medir a capacidade de geração de capital em um período curto, médio ou longo. 

Ou seja, basicamente trata do dinheiro bruto, como despesas fixas, salários dos funcionários e outros tipos de investimentos. 

Para que ele seja feito, o gestor precisa ter em mãos o relatório do período entre 60 a 90 dias e de outro com um prazo de 2 a 5 anos. 

A partir de gráficos, o comportamento do negócio pode ser acompanhado, confirmando se as estratégias estão sendo boas ou ruins. 

 

A importância do fluxo do seu caixa e os benefícios

Conseguir fazer a boa gestão financeira da sua empresa garante que o dia a dia seja muito mais simples e fácil. 

Para ressaltar a importância da ação da utilização de bom fluxo de dinheiro na empresa, listamos três benefícios que podem te convencer a adotá-lo: 

1- Saber o ritmo de crescimento

Não importa o segmento em que a sua empresa atua, você precisa saber qual o ritmo de crescimento dela. 

Normalmente, o ritmo de uma empresa é medido por meio de questões financeiras, as quais um ótimo fluxo pode resolver. 

Até porque ele nos fornece as informações e as métricas corretas para o aumento de vendas e de lucratividade. 

2- Contas sempre pagas em dia

As contas devem ser pagas em dia, assim o controle de caixa consegue trabalhar para que a sua empresa economize dinheiro. 

Até porque os relatórios adotados pelo seu fluxo, garantem que você não se esqueça de pagar uma conta ou atrasá-la. 

3- Evitar ficar sem dinheiro em dados momentos

Quando você atrasa uma conta, é bem comum os juros altos aparecerem para atrapalhar mais ainda a sua vida financeira. 

A partir do momento em que você faz um planejado adequado, problemas como esse desaparecem. 

Em outras palavras, é fundamental que você tenha um dinheiro reserva no caso do surgimento de imprevistos.

 

Como fazer fluxo de caixa?

Notebook aberto com planilha de fluxo de caixa aparecendo.

Diversas estratégias devem ser elaboradas para que você consiga trazer a melhor gestão financeira para o seu negócio. A principal delas, no entanto, é a disciplina. 

Hoje, existem diversas maneiras de elaborar um fluxo de caixa descontado, sendo as planilhas a forma mais comum. 

Para você criar o fluxo perfeito, resolvemos fazer um passo a passo para isso. Veja só:

Estabeleça uma forma de analisar

O primeiro passo para elaborar um fluxo é separando as receitas das despesas. 

A dica é fazer isso separando-as por cores e símbolos, dos quais indiquem se o resultado é positivo ou negativo. 

Lembre-se: a identificação deve ser entendida por você. 

Estabeleça categorias

As categorias devem ser bem pensadas no momento de criar um fluxo de caixa excel, pois serão a base para a elaboração de relatórios. 

Por isso, tente separar as receitas de acordo com as atividades, assim como os recebimentos com a dinâmica do negócio.

Já as despesas podem ser pensadas como setores que estejam em ações.

Defina as despesas

É importante você definir as despesas fixas das variáveis. 

Por exemplo, a conta de luz, aluguel e o salário dos funcionários são contas fixas. 

Já as despesas variáveis são aquelas que você gasta quando surge um imprevisto. 

Por sorte, quando se registra tudo em algum fluxo, é possível ter a real noção do saldo que existe no caixa. 

Elabore movimentações financeiras

Separar todas as movimentações de acordo com as origens e categorias ajuda o gestor a não criar nenhuma confusão. 

Portanto, toda a movimentação que o seu negócio tiver deve ser registrada em um fluxo de caixa excel, em colunas de cores diferentes, de preferência. 

Cadastre contas a receber

Você sabe o que tem que receber? Caso a sua resposta seja não, é importante ter isso bem claro na sua mente. 

Algumas empresas não possuem um recebimento quando entregam um produto ou um serviço. 

Portanto, cadastrar todas as contas que você tem a receber em cada categoria facilitará o ganho de produtividade.

Tenha uma planilha

Hoje diversas planilhas de fluxo são disponibilizadas na internet, permitindo que você insira todas as categorias, assim como as entradas e as saídas de dinheiro do negócio. 

No entanto, é importante que você se lembre sempre de atualizar a sua planilha para que nada saia dos padrões do seu negócio. 

 

Elabore agora um fluxo perfeito para o seu caixa!

Neste conteúdo você pôde perceber a importância do fluxo de caixa para um negócio, assim como descobriu alguns passos para construir o seu próprio.

Assim, você pode categorias, definir despesas, ter uma planilha, entre muitas outras coisas que ajudam na funcionalidade do fluxo de caixa.

Visto que, com o fluxo bem elaborado, a gestão financeira da sua empresa pode se tornar mais importante para receber melhor os seus clientes. 

Por isso, sempre pesquise por conteúdos que são capazes de sanar todas as suas dúvidas, como esse aqui do blog.

Compartilhe nas redes sociais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *