Plano de cargos e salários: aprenda como implantar na sua empresa com eficiência

with Nenhum comentário

Um plano de cargos e salários requer muito planejamento e conhecimento sobre cada departamento da sua empresa. E elaborar essa estratégia pode revolucionar seu negócio de forma extremamente positiva, sabia? 

A questão é: você sabe como estipular quais devem ser os cargos e salários da sua empresa? Se a resposta for “não”, está na hora de mudar esse cenário. 

Isso porque se você quer realmente saber como fazer um plano de negócios eficaz, capaz de aumentar a produtividade de todos os seus colaboradores, a visão deles em relação à empresa e manter a lucratividade do seu negócio, é necessário ter esse tema bem claro.

Afinal, saber como montar um plano de negócios eficaz e que condiz com os cargos e salários que sua empresa está disposta a oferecer, te permite atrair novos talentos e manter os colaboradores que você já tem. 

O que ajuda a reforçar a imagem da sua marca no mercado também. Então, para que você conheça mais a respeito dessa estratégia, dê uma olhada no que preparamos para você:

O que é um plano de cargos e salários 

Ao se depararem com dúvidas sobre como elaborar um plano de negócios, muitos empreendedores esquecem de levar em consideração o tema “cargos e salários” o que é completamente prejudicial para qualquer negócio. 

Até porque sem isso não é possível criar outros modelos estratégicos muito conhecidos, como é o caso do plano de carreira e o plano de negócios de uma empresa.

Sendo assim, hoje o plano de cargos e salários é visto como uma ferramenta que tem como principal objetivo equilibrar as responsabilidades e deveres de cada cargo, levando em consideração o valor que é pago ao colaborador. 

Para a organização, isso é muito positivo, pois ela consegue fazer a estruturação de cargos e salários adequadamente. 

Já para os colaboradores os benefícios se baseiam na possibilidade de ter um plano carreira, o qual deixa claro quais as promoções existem dentro de um departamento, bem como o período de tempo estimado para que o colaborador alcance cada uma delas, assim como o aumento de suas bonificações ou salário. 

Dessa forma, os profissionais da sua empresa ficam mais motivados a vestir a camisa do negócio, se sentem bem no ambiente em que atuam e, naturalmente, isso aumenta os resultados positivos referentes à sua marca. 

Plano de cargos e salários é a mesma coisa que plano de carreira? 

Homens escrevendo plano de cargos e salários em mesa de reunião.

Sim, há diferenças entre plano de cargos e salários e plano de carreira dentro de uma empresa. Por exemplo: 

  • Plano de carreira: esse plano se baseia na trajetória do colaborador. Ou seja, empresa e profissional têm claro quais são os caminhos que o funcionário pode ter dentro da organização, quais são as promoções, o que ele precisa para atingir cada uma e assim por diante;
  • Plano de cargos e salários: nesse caso é criado um guia usado para definir quais funções e cargos que uma empresa devem ter, bem como os requisitos necessários para o colaborador se encaixar nela. 

Ou seja, um (como fazer um plano de negócios) tem mais proximidade com a experiência do colaborador na instituição e possibilidades de crescimento. 

O outro (plano de cargos e salários) é mais técnico e burocrático, levando em consideração algumas leis também, as quais estipulam o valor piso (mínimo) e teto (máximo) de cada salário de acordo com cada função e assim por diante. 

Ainda que possuam suas diferenças, os dois planos podem ser usados como complementares para que você saiba como elaborar um plano de negócios eficaz para a sua empresa.

Para isso, os gestores precisarão analisar quais são as competências profissionais de uma pessoa ao mesmo tempo em que avalia a disponibilidade dos cargos de uma empresa, questões jurídicas da função, etc. 

Os benefícios de um plano de cargos e salários dentro da empresa

Até aqui ficou claro que para saber como fazer um plano de negócios, é necessário definir os cargos e salários dentro da sua empresa, certo? 

Agora imagine a seguinte situação: a sua organização adota a lei do “todo mundo faz tudo” e, com isso, nenhum colaborador consegue fazer nada de acordo com o planejado, pois nenhum deles têm um foco definido e concreto, ou até mesmo uma especificação e qualificação profissional.

Se você imagina que a situação ficaria um caos, desorganizada e sem resultados de qualidade, você está correto.

Por isso, estabelecer um plano de cargos e salários é fundamental para que os funcionários da sua indústria saibam as suas atribuições dentro dela, a fim de realizar todos os trabalhos corretamente e com eficiência. 

Tendo esse plano muito bem estruturado você consegue, além de saber como montar um plano de negócios:

  • Definir a política de salário com base na faixa de mercado correspondente ao cargo;
  • Ajudar no desenvolvimento profissional dos colaboradores, aumentando o índice de retenção de talentos;
  • Aumentar a satisfação dos clientes, uma vez que os funcionários estão mais produtivos;
  • Manter o equilíbrio dentro da empresa em relação aos cargos e os resultados esperados;
  • Criar novas funções estratégicas para aumentar a lucratividade do negócio. 

Esses são apenas alguns motivos para você começar a investir agora mesmo na estruturação dos salários e cargos de uma empresa. 

Ficou convencido a adotar esse plano? Então veja abaixo como você pode implementá-lo na sua empresa. 

Implementando o plano de cargos e salários na sua empresa

Agora que você sabe o que é e quais são os benefícios do plano de cargos e salários, chegou o momento de descobrir como estruturar um plano de negócios. 

Para isso, você deve entender como implementar os salários e cargos de uma empresa dentro da realidade do seu modelo de negócio. Mas, antes de mais nada, você deve entender em qual momento o seu mercado está. 

Ou seja, ele está bom ou ruim? É possível realizar mudanças e investimentos sem afetar os lucros da empresa?

A partir dessa verificação é possível começar entender como fazer um plano de negócios eficaz. 

É possível, por exemplo, estipular quais líderes vão ficar encarregados de executar determinados os projetos, quais e quantos colaboradores eles devem ter em suas equipes, quais são as atividades dessa equipe, seus cargos e salários e assim por diante. 

E para te ajudar no planejamento e implementação dessa estratégia no seu negócio, criamos um passo a passo completo!

Passo 1: Saiba quais cargos têm em cada departamento

Aqui você identificará quais os cargos que existem dentro da sua empresa em cada área e subárea. 

Para isso, leve em consideração entrevistas ou aplicação de questionários para os colaboradores, fazendo com que cada um assinale a sua função.

Além do mais, é interessante que esses colaboradores deem a você uma breve descrição sobre suas atividades. 

Passo 2: Segmente os cargos, a faixa salarial, as funções e o perfil técnico e comportamental

Homens apontando e avaliando gráficos de plano de cargos e salários .

A partir do momento em que você conseguir a lista de cargos e tarefas, meio caminho foi andado para que você saiba como fazer um plano de negócios e o plano de cargos e salários. 

No entanto, antes de mais nada, é fundamental que você faça uma descrição de cada função, utilizando as respostas dadas pelos colaboradores. 

Afinal, esses questionários têm como principal objetivo mostrar o que o funcionário faz, para então você ter noção do que deve ser feito para aprimorar aquela função. 

Passo 3: Faça os cálculos de aumento salarial

Dentro da estrutura de cargos e salários da sua empresa, a flexibilidade de caixa para que o salário dos colaboradores aumente deve ser verificada constantemente. 

Afinal, sempre que há uma promoção, quer dizer que o departamento financeiro do seu empreendimento terá que acrescentar número ao holerite – sem levar em consideração o aumento das responsabilidades. 

Fazendo isso, você consegue perceber quais os impactos que a sua empresa terá quando aumentar o salário de um funcionário, assim como metrificar os benefícios que o colaborador traz para a empresa também. 

Passo 4: Mostre como montar um plano de negócios para todos os colaboradores

Assim que você tiver todo o plano de negócios e cargos e salários muito bem estruturados, é o momento de mostrar isso aos colaboradores. 

Assim, todos poderão ter uma visão do que é preciso para que o crescimento aconteça dentro da organização. 

Para tanto, separe um dia, em uma sala, para apresentar os dados e esclarecer todas as dúvidas que surgirem.  

Passo 5: Inclua a política do Plano de Cargos e Salários em um documento físico e digital

Para evitar qualquer tipo de problema, é essencial que você disponibilize os arquivos para os funcionários, seja de maneira física ou digital. 

Assim, todos poderão sempre ler com calma e focar no que é necessário para crescer dentro da organização. 

Implemente agora mesmo o plano de cargos e salários na sua empresa!

Existe um universo de informações dentro de um plano de negócio, mas elaborar os cargos e os salários da sua empresa não é algo tão complicado quanto você imagina, não é?

Para que essa atividade seja feita da maneira que mostramos neste conteúdo, é preciso ter organização e comprometimento com todos os colaboradores que estão envolvidos. 

Isso porque muitos benefícios podem vir das informações passadas por eles, mas tê-los motivados com o seu negócio é vital para um bom desempenho de todos. 

Portanto, sente com os seus gestores e converse a respeito para entender melhor o que é preciso para chegar aonde desejam, como podem melhor o cenário de cada função, valorizando seus profissionais e ainda assim deixando sua empresa 100% saudável.

Compartilhe nas redes sociais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *