Pro labore o que é? Confira a explicação mais simples da internet

with Nenhum comentário

Você sabe pro labore o que é? Conheça essa forma de “pagamento” e saiba como pode ser vantajosa para a sua empresa e para os funcionários em diversos aspectos!

Vamos deixar algo bem claro logo de cara: pro labore é diferente de salário, e sempre que há a obtenção de lucro, o valor é dividido entre os sócios da empresa. 

Para que não haja mais confusão sobre os dois termos, resolvemos elaborar este conteúdo, que tirará todas as suas dúvidas sobre esse procedimento tão comum nas organizações. Confira! 

Pro labore o que é?

O significado do latim para o termo pro labore é “pelo trabalho”. Ele representa o pagamento das tarefas que um administrador realizou na sua empresa. 

Em outras palavras, é quando os sócios do seu empreendimento são remunerados de acordo com as atividades administrativas exercidas.

Ué, mas para isso eu não chamo de distribuição de lucros ou dividendos?

A remuneração pro labore vai além desses tipos de distribuição, pois ela pode ser opcional e direcionada a apenas um indivíduo administrador entre todos os sócios – os quais também podem fazer parte da administração. 

Para a legislação brasileira, o salário é muito diferente da declaração de pro labore, já que não existe qualquer relação com as regras de saque de 13º salário, FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), férias e outros benefícios. 

Isso porque essas vantagens acabam se tornando opcionais, sempre havendo um acordo entre o administrador e a organização. 

Sendo assim, caso você seja um sócio e queira receber pelas férias e não ganhar o 13º salário, isso é possível com esse recibo. 

Motivos para definir um recibo pro labore

Uma pessoa fazendo um cálculo

Há muitas vantagens quando o assunto é essa declaração, a começar pelo fato de que a sua empresa não será enganada por ninguém. 

Caso você não saiba, hoje em dia é muito comum se deparar com frases do tipo: “Eu faço a retirada do meu salário quando dá, porque quase não recebo nada. Meu salário não existe”. 

Partindo dessa afirmação, é muito importante que todos os sócios façam uma reunião para definir a remuneração, pois é a maneira usada para não ter a famosa “falta de custo”.

Isso significa que, a partir do momento em que você participa de algum projeto, você se torna um custo para a empresa. 

E quando a sua organização ignora completamente o custo do administrador, diversos problemas podem surgir, principalmente aqueles relacionados a determinar o custo dos produtos ou serviços. 

Portanto, sempre que um sócio da sua empresa desempenhar um papel para com ela, é indispensável que o mesmo considere o valor do trabalho feito. 

Como fazer a remuneração pro labore?

Agora que você sabe pro labore o que é e quais são os seus benefícios, chegou o momento de descobrir como realizar a declaração. 

Para isso, você precisará de uma conta corrente de alguma instituição financeira de confiança, que deverá depositar o valor para a conta do sócio. 

Ah, é importante que neste momento todo o dinheiro seja transferido de uma única vez, assim você evita qualquer tipo de problema com a contabilidade e com o fisco. 

Sem mais delongas: o grande intuito de realizar a remuneração é pagar pelo trabalho prestado. 

Sendo assim, se essa pessoa recebe qualquer dividendo ou remuneração por uma atividade, ela deve ser paga dessa maneira. 

Portanto, faça os pagamentos separadamente, a fim de que todas as informações contábeis fiquem mais claras para o departamento financeiro da sua empresa. 

O comprovante da declaração pro labore

Um homem pesquisando sobre pro labore o que é com um cofre de porco ao lado e moedas na frente.

Nos casos de recibo, é preciso ficar bem claro que o sócio não recebe holerite igual os colaboradores da sua empresa, uma vez que não se pode considerar um salário. 

Dessa maneira, se o empresário precisar comprar qualquer tipo de renda ou contribuir com o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), é necessário que o contador faça uma declaração para comprovar as atividades feitas. 

Qual o custo de saber pro labore o que é?

Agora que você descobriu de maneira simples pro labore como fazer, fica mais fácil descobrir qual é o custo dele. 

A princípio, o contador da sua empresa precisa gerar uma guia chamada GPS (Guia de Previdência Social), que é voltada para o pagamento do valor relacionado ao INSS. 

Tal GPS é diferente para empresas que estão no Simples Nacional e Lucro Presumido. Entenda pro labore como fazer para esses dois casos:

Simples Nacional

O custo da empresa é inexistente, uma vez que não há contribuição patronal, enquanto o do sócio será reduzido do valor bruto cerca de 11% do INSS e IR (Imposto de Renda).

Lucro Presumido 

O custo da empresa é 20%, relacionados aos encargos dos sócios, enquanto os custos desses também é de 11% de INSS e IR. 

Agora você sabe pro labore como fazer!

Se tem uma coisa que podemos dizer depois de concluir este conteúdo é: ainda há muita coisa para aprender com os sócios da sua empresa e consequentemente fazer a empresa crescer em diversos aspectos, e essa forma de pagamento é só mais uma delas.

Como você viu por aqui, esse procedimento se difere do salário, uma vez que benefícios como férias, 13º salário, FGTS, entre outros, não fazem parte do pacote – a não ser que você queira.

Para isso, no entanto, é necessário ter uma conversa transparente com todos os sócios para que seja acrescentado a prestação dos serviços administrativos.

Compartilhe nas redes sociais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *