Mudanças do Marketing: o que mudou do 3.0 para o 4.0?

//Mudanças do Marketing: o que mudou do 3.0 para o 4.0?

Por: . Publicado: 23 de abril de 2019 | Atualizado: 23 de abril de 2019.

A última década, sem dúvida, foi a era da conexão. Vimos um crescimento explosivo do marketing digital e estamos vendo ele se transformar a cada dia. Mas, quais foram realmente as mudanças mais significativas?

Do 3.0 para o 4.0 o comportamento dos consumidores mudou e agora o mundo do marketing digital não pode mais ser separado do tradicional, ambos são complementares e interdependentes.

Se você é um profissional de marketing digital e ainda não conhece Philip Kotler está perdendo os ensinamentos de um dos maiores nomes de marketing do século 21. Philip Kotler é um professor universitário e autor americano, tendo ampla formação em Economia, Matemática e Ciência Comportamental, além disso, trabalha com empresas globais como IBM, Ford, Disney, Nike, entre outras.

Recentemente lançou um novo livro, Marketing 4.0, com os mesmos autores do seu livro anterior, Marketing 3.0. Em seu novo livro, ele dá continuidade aos trabalhos anteriores em marketing 3.0, atualizando a visão após uma década de transformações de comportamento do consumidor, tudo por conta dos meios digitais.

Mudanças do Marketing: Do 1.0 ao 3.0

Antes de chegar ao Marketing 4.0, Kotler passou antes pelo 1.0, 2.0 e 3.0. Cada um deles diz qual o estágio das empresas diante das mudanças sociais e de comportamento do consumidor.

No início, no marketing 1.0, o consumidor não passava de alguém com dinheiro para comprar. No marketing 2.0, o consumidor os conceitos de público-alvo já começaram a ser empregados. Chegando ao 3.0, onde a abordagem passou a ser mais humanizada.

Em suma, passamos de um marketing centrado no produto (1.0), para um focado no consumidor (2.0) e depois no ser humano (3.0). E, hoje, no marketing 4.0, esse ser humano precisa ser compreendido dentro da economia digital.

Mas, afinal o que mudou do Marketing 3.0 para o 4.0?

O Marketing 3.0 introduziu a ideia de ações humanizadas nas campanhas e as vendas passaram a ser consequência das boas relações e de uma comunicação estratégica, de valor. De acordo Kotler, “A lucratividade tem como contrapeso a responsabilidade corporativa”.

Hoje, surgem preocupações das empresas com sua imagem, valor da marca, responsabilidade social e sustentabilidade, isto é, há uma busca de tornar o mundo um lugar melhor.

E, o que exatamente mudou do Marketing 3.0 para o 4.0?  

Existem 3 mudanças que marcam a migração para o marketing 4.0: O Google, as Redes Sociais e a Economia Compartilhada.

Google

Não só o Google, mas todos os motores de busca revolucionaram a forma em que as pessoas buscam por informações, produtos e serviços. Hoje, sempre que uma dúvida aparece, logo, pegamos nossos smartphones e buscamos respostas. Por isso é fundamental entender como os clientes buscam na internet, quais dúvida eles possuem sobre os seus produtos e serviços, criar conteúdo e entender o fundamental sobre marketing digital.

Redes sociais

As redes sociais também permitiram ainda mais impulsividade, conectividade e agilidade. Agora, os grupos sociais são reproduzidos online e as preferências pessoais puderam ser expostas e compartilhadas numa escala nunca antes imaginada.

Os canais criados pelas redes sociais permitiram o nascimento dos influenciadores digitais, pessoas reconhecida em suas comunidades virtuais que possuem influência nos comportamentos e impulsionam marcas, produtos e serviços.

Os antigos meios de informações, televisão, rádio e tv a cabo. Já não atinge grande parte do público jovem e as marcas estão tendo que se adaptar. Aprendendo a construir novas formas de confiança em novos canais de comunicação.

Economia Compartilhada

A internet possibilitou o surgimento de aplicativos e empresas que oferecem desde um noite na casa de alguém até uma carona paga. Em tudo o que você precisa, há uma ferramenta digital para ajudar.

Hoje vivemos a era da economia compartilhada, onde serviços inovadores são lançados todos os dias. AirBNB, Uber e iFood são exemplos comuns de empresas que revolucionaram seus segmentos tradicionais de mercado. A boa comunicação com o consumidor, que agora faz parte da economia, é de suma importância no novo marketing 4.0.

O que sua empresa precisa saber sobre marketing 4.0?

A primeira coisa que você precisa saber é que, hoje, a internet está presente em todos os momentos da vida das pessoas. Ou seja, são muitas as opções. Na web, qualquer pessoa consome o conteúdo que deseja, pesquisar informações sobre produtos e marcas, procura opiniões de outros consumidores sobre produtos e serviços prestados.

O Marketing 4.0 marca o fim de uma comunicação vertical, antes empregadas pelas grandes empresas. A internet possibilitou que a comunicação se tornasse totalmente horizontal. Além disso, o consumo não é mais um ato de indivíduos. Agora, o compartilhamento de experiências pela internet se tornou indispensável, o reconhecimento social é o novo determinante no comportamento de compra.

Como aplicar o Marketing 4.0 na sua empresa

1 – Humanize sua marca

Antes, as empresas eram impessoais e “frias”. Hoje, uma marca deve representar um ser humano, capaz de criar relacionamento e estabelecer conexões afetivas. Dois ótimos exemplos disso são: A Magazine Luiza – Que criou a personagem “Lu”, com tom doce e visual delicado, e é a garota-propaganda da marca – e a Netflix – Que criou uma presença virtual respondendo seu assinantes com muito bom humor – e o certo é “a” Netflix por que ela é menina.

2 – O conteúdo é o rei

Vivemos em uma época de bombardeio de informações ao consumidor, fazendo com que o consumidor não dedique sua atenção à apenas uma marca. Porém, com uma boa estratégia de marketing de conteúdo, você pode se aproximar dos clientes com mensagens relevantes.

Conclusão

Está nova era do marketing é ainda mais pessoal do que a passada. Além de vender produtos, o objetivo está em gerar significado e agregar valor real na vida dos consumidores, fazendo com que ele se sinta parte da marca.

Toda esta conectividade proporcionada pela internet criou uma comunicação digital democrática, todos ganharam uma voz, e a construção das comunidades acontece em espaços não dominados pelas empresas.

Se tornou fundamental apresentar uma excelente interação entre empresas e clientes, como também, uma presença marcante na vida dos consumidores em diversos canais, uma integração do marketing online e offline e também investimentos no marketing de conteúdo e todas suas estratégias.

2019-04-23T09:19:59-03:00

Faça um Comentário

Fale com o especialista e aumente suas vendas agora mesmo!

Quero vender mais